Liberação de cálcio, magnésio e enxofre da palha de pastagem de braquiária para a soja em sistema de integração lavoura-pecuária

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/223811712012021041

Palavras-chave:

adubação nitrogenada na pastagem, épocas de dessecação, resíduo vegetal, Urochloa brizantha cv. BRS Piatã

Resumo

Os resíduos de plantas que permanecem no solo em um sistema de integração lavoura-pecuária constituem em uma importante reserva de nutrientes para a cultura em sucessão. O objetivo do trabalho foi avaliar a liberação de cálcio (Ca), magnésio (Mg) e enxofre (S) de palha de pastagem de Urochloa brizantha cv. BRS Piatã, cultivada em três doses de nitrogênio (N) e submetida a duas épocas de dessecação em relação à semeadura da soja. O experimento foi conduzido em Londrina, Paraná, entre março de 2016 e março de 2018. Foram avaliadas três doses de N na pastagem de U. brizantha cv. BRS Piatã (0; 150 e 300 kg N ha-1), constituindo três piquetes distintos. Em cada piquete foram avaliadas duas épocas de dessecação da pastagem (60 e 15 dias antes da semeadura da soja), com quatro repetições. Os teores de Ca e S na palha de pastagem de U. brizantha não variam com o tempo de decomposição, enquanto os teores de Mg foram reduzidos, independentemente da adubação nitrogenada e da época de dessecação. A quantidade de Ca liberada pela palha de pastagem de U. brizantha até o final do ciclo da soja em sucessão foi de, aproximadamente, 15 kg ha-1, independentemente da adubação nitrogenada e da época de dessecação. A quantidade de Mg liberada pela U. brizantha até o final do ciclo da soja em sucessão variou de 10 a 15 kg ha-1, com tendência de haver maior quantidade liberada na presença de adubação nitrogenada na pastagem. A quantidade de S liberada pela U. brizantha até o final do ciclo da soja em sucessão variou de 4 a 6 kg ha-1, com tendência de haver menor quantidade liberada na presença de adubação nitrogenada na pastagem, independentemente da época de dessecação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANJUM NA et al. 2015. ATP-sulfurylase, sulfur-compounds, and plant stress tolerance. Frontiers in Plant Science 6: 1-9.

BALBINOT JUNIOR AA et al. 2009. Integração lavoura-pecuária: intensificação de uso de áreas agrícolas. Ciência Rural 39: 1925-1933.

BATISTA K & MONTEIRO FA. 2010. Variações nos teores de potássio, cálcio e magnésio em capim-marandu adubado com doses de nitrogênio e de enxofre. Revista Brasileira de Ciência do Solo 34: 151-161.

CALONEGO JC et al. 2012. Persistência e liberação de nutrientes da palha de milho, braquiária e labe-labe. Bioscience Journal 28: 770-781.

CAVALLI E et al. 2018. Decomposition and release of nutrients from crop residues on soybean-maize cropping systems. Revista Brasileira de Ciências Agrárias 13: 1-8.

COSTA KAP et al. 2008. Adubação nitrogenada e potássica na concentração de nutrientes do capim-xaraés. Ciência Animal Brasileira 9: 86-92.

COSTA KAP et al. 2009. Doses e fontes de nitrogênio na nutrição mineral do capim-marandu. Ciência Animal Brasileira 10: 115-123.

COSTA CHM et al. 2016. Nitrogen fertilization on palisadegrass: phytomass decomposition and nutrients release. Pesquisa Agropecuária Tropical 46: 159-168.

CRUSCIOL CAC et al. 2008. Taxas de decomposição e de liberação de macronutrientes da palhada de aveia preta em plantio direto. Bragantia 67: 481-489.

DUPAS E et al. 2016. Nitrogen recovery, use efficiency, dry matter yield, and chemical composition of palisade grass fertilized with nitrogen sources in the Cerrado biome. Australian Journal of Crop Science 10: 1330-1338.

ECHER FR et al. 2012. Crescimento inicial e absorção de nutrientes pelo algodoeiro cultivado sobre a palhada de Brachiaria ruziziensis. Planta Daninha 30: 783-790.

EMBRAPA. 2013. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Sistemas de produção 16: Tecnologias de Produção de Soja - Região Central do Brasil 2014. Londrina Embrapa Soja. 266p.

FERREIRA DF. 2011. Sisvar: A computer statistical analysis system. Ciência e Agrotecnologia 35: 1039-1042.

FRANCHINI JC et al. 2014. Soybean performance as affected by desiccation time of Urochloa ruziziensis and grazing pressures. Revista Ciência Agronômica 45: 999-1005.

FRANCHINI JC et al. 2015. Desempenho da soja em consequência de manejo de pastagem, época de dessecação e adubação nitrogenada. Pesquisa Agropecuária Brasileira 50: 1131-1138.

GOTOR C et al. 2015. Signaling in the plant cytosol: cysteine or sulfide? Amino Acids 47: 2155-2164.

KUMAR SV et al. 2019. Facilitating crop-livestock reintegration in the Northern Great Plains. Agronomy Journal 111: 2141-2156.

MENDONÇA VZ et al. 2015. Liberação de nutrientes da palhada de forrageiras consorciadas com milho e sucessão com soja. Revista Brasileira de Ciência do Solo 39: 183-193.

MONQUERO PA et al. 2010. Intervalo de dessecação de espécies de cobertura do solo antecedendo a semeadura da soja. Planta Daninha 28: 561-573.

NASCENTE AS & CRUSCIOL CAC. 2012. Cover crops and herbicide timing management on soybean yield under no-tillage system. Pesquisa Agropecuária Brasileira 47: 187-192.

NEPOMUCENO MP et al. 2012. Períodos de dessecação de Urochloa ruziziensis e seu reflexo na produtividade da soja RR. Planta Daninha 30: 557-565.

PACHECO LP et al. 2008. Desempenho de plantas de cobertura em sobressemeadura na cultura da soja. Pesquisa Agropecuária Brasileira 43: 815-823.

PRIMAVESI AC et al. 2006. Nutrientes na fitomassa de capim marandu em função de fontes e doses de nitrogênio. Ciência e Agrotecnologia 30: 562-568.

ROSOLEM CA et al. 2003. Lixiviação de potássio da palhada de espécies de cobertura de solo de acordo com a quantidade de chuva aplicada. Revista Brasileira de Ciência do Solo 27: 355-362.

SANTOS FC et al. 2014. Decomposição e liberação de macronutrientes da palhada de milho e braquiária, sob integração lavoura-pecuária no cerrado baiano. Revista Brasileira de Ciência do Solo 38: 1855-1861.

SANTOS HG et al. 2018. Sistema Brasileiro de Classificação de Solos. 5.ed. Brasília: EMBRAPA. 355p.

TORRES JLR et al. 2008. Produção de fitomassa por plantas de cobertura e mineralização de seus resíduos em plantio direto. Pesquisa Agropecuária Brasileira 43: 421-428.

Downloads

Publicado

2021-03-29

Como Citar

WERNER, F. .; BALBINOT JUNIOR, A. A. .; FERREIRA, A. S.; OLIVEIRA JUNIOR, A. de; FRANCHINI, J. C. .; DEBIASI, H. .; COELHO, A. E.; SILVA, M. A. de A. e. Liberação de cálcio, magnésio e enxofre da palha de pastagem de braquiária para a soja em sistema de integração lavoura-pecuária. Revista de Ciências Agroveterinárias, Lages, v. 20, n. 1, p. 041 - 052, 2021. DOI: 10.5965/223811712012021041. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/agroveterinaria/article/view/18801. Acesso em: 22 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigo de Pesquisa - Ciência de Plantas e Produtos Derivados