Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao Editor".
  • Os arquivos para submissão estão em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF (desde que não ultrapassem 8 MB)
  • URLs para as referências foram informadas quando necessário.
  • O texto está em espaçamento 1,5; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento, como anexos.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na seção Sobre a Revista.
  • A identificação de autoria do trabalho foi removida do arquivo e da opção Propriedades no Word, garantindo desta forma o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação por pares (ex.: artigos), conforme instruções disponíveis em Assegurando a Avaliação Cega por Pares.

Diretrizes para Autores

Diretrizes para Autores

I – Aspectos Gerais

1. A revista Móin-Móiné uma publicação semestral.Com previsão de publicação nos meses de julho e dezembro de cada ano.

2. A revista é dirigida pela Editoria, composta pelos Editores-gerentes, Editores e Comitê Consultivo. Aos Editores-gerentes cabe a definição das políticas editoriais a supervisão de todo o processo editorial e a prospecção de fontes de financiamento para a revista. A escolha das abordagens estabelecidas no âmbito dos dossiês também cabe aos Editores-gerentes, com a ajuda do Comitê Consultivo. Os Editores efetuam a designação de pareceristas para as submissões, a comunicação com os autores, a gestão dos indexadores, a aplicação das normas e do regulamento editorial e a garantia de correta observância da revisão gramatical e da manutenção da uniformização editorial.

3. A revista Móin-Móinpublica, exclusivamente, textos inéditos- artigos, relatos, traduções, entrevistas - resultantes de pesquisas, estudos, debates, práticas artísticas e científicas na área de Teatro de Animação/Formas Animadas e campos associados. 

4. Categorias de submissão 

a) Dossiês: esta seção é composta por artigos inéditos, relatos, entrevistas e traduções de relevância à área temática da revista e do referido dossiê, cujo tema será definido pelo Editores e Conselho Editorial.

Obs.: No momento da submissão de um artigo, para esta seção, o autor deve selecionar corretamente o dossiê escolhido. (Confira aqui os dossiês com chamadas abertas)

- Artigos: Textos inéditos que resultam de experiências artísticas e/ou pesquisa acadêmica. 

- Relatos: Compreendem documentos inéditos que descrevam e analisem práticas e experiências, com reflexão crítica (podem incluir também documentos visuais, sonoros, iconográficos, artísticos, orais, memoriais de acervos, entre outros). O tema deve estar vinculado ao Dossiê Temático.

- Traduções: Compreendem traduções inéditas que se vinculam ao Dossiê Temático.

Entrevistas: esta seção é composta de entrevistas com pesquisadores e artistas vinculados à temática do dossiê. 

b) Fluxo contínuo: esta seção é composta por artigos inéditos, de relevância à área temática da revista (e diferente do tema do dossiê). 

5. Cada artigo poderá conter imagens, tabelas e/ou gráficos, devidamente identificados, conforme normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas.

6. Os textos podem ser escritos em português ou em espanhol. A revista também aceita originais em outros idiomas de autores estrangeiros e providencia versões para o português para publicação bilíngue.

7. O(s) autor(es) deve(m) ter, preferencialmente, o título de doutor, aceita-se, contudo, doutorandos, mestres e mestrandos, sendo que estes últimos devem publicar, preferencialmente, em conjunto com um doutor. Artistas reconhecidos por seus pares, em sua área de atuação também podem publicar artigos e/ou relatos na revista, mesmo que os mesmos não possuam titulação acadêmica, ou possuam apenas graduação. Com isso passamos a reconhecer o artista que possui um domínio teórico/prático valorizado no seu universo artístico.

8. Recomendamos fortemente - Que autores e autoras consultem nossas Edições Anteriores, com o propósito de mapear e referenciar pelo menos um artigo, ou entrevista ou iconografia no texto a ser submetido à Móin Móin. Acreditamos que esta ação - de estímulo à consulta e divulgação dos textos anteriores publicados pela Móin Móin - dinamiza e dá visibilidade ao nosso acervo online.

9. No momento da submissão o autor deverá informar, obrigatoriamente, sua titulação e a IES onde obteve o título, vínculo institucional completo contendo IES, função, cidade, país e e-mail. Cabe ao autor preencher o campo ORCID e manter o Currículo Lattes atualizado e integrado ao ORCID. 

II – Avaliação pelos pares (Peer Review)

10. Desde que atendam às especificações formais relacionadas abaixo, as propostas de contribuição (artigos, relatos, traduções e entrevistas) passarão por uma triagem inicial, feita pela Editoria da Móin-Móin.

11. Passando por essa triagem inicial, as propostas de contribuição entrarão em processo de avaliação de mérito, durante o qual serão submetidas a dois pareceristas ad hoc(especialistas na área ou temas em questão). O processo de avaliação resguardará o anonimato entre avaliadores e autores.

12. Os pareceres e as propostas de contribuição serão apreciados, em conjunto, pelos editores. Havendo pareceres conflitantes, recorrer-se-á a um terceiro parecerista ad hoc. Dessa apreciação, resultará a aprovação ou reprovação da proposta de contribuição e, eventualmente, a solicitação ao autor de reformulações que atendam às críticas e sugestões dos pareceristas. Caso ocorra esse pedido de reformulação, o autor terá o prazo de até 15 dias (a definir pelos Editores) para apresentar uma nova versão da proposta de contribuição, que será avaliada novamente pela Editoria e, eventualmente, pelos pareceristas que sugeriram as alterações.

13. A cada dois anos, a Editoria efetuará um balanço do rendimento dos membros do Comitê de Pareceristas, levando em consideração aspectos como: disponibilidade em atender as demandas da Editoria; agilidade na emissão de pareceres; qualidade dos pareceres emitidos; eventuais contribuições à política editorial; manutenção do currículo Lattespessoal atualizado. Pareceristas que receberem indicação de baixo desempenho poderão ser automaticamente descredenciados.

III – Normas para a submissão de artigos, relatos, traduções e entrevistas

14. Os textos devem ser encaminhados para a plataforma OJS do Portal de Periódicos da UDESC (http://www.http://revistas.udesc.br/index.php/moin)no qual os dados dos autores devem ser inseridos somente no formulário do sistema, inclusive deve ser indicado o endereço eletrônico e a sua biografia de até cinco linhas, enfatizando o vínculo institucional e as formações acadêmicas e artísticas. O arquivo com o artigo e relato deve estar livre de quaisquer tipos de identificação, seja pelo nome dos autores digitado no corpo do texto ou nas propriedades do arquivo, seja pela menção de informações por intermédio das quais se possam deduzir a autoria. Caso tenha dificuldades de tornar o artigo anônimo, basta mencionar isso nos "comentários ao editor" durante o processo de submissão online. A Editoria responderá ao remetente, confirmando o recebimento do arquivo.

15. Os trabalhos deverão ser entregues rigorosamente revisados, conforme as normas gramaticais vigentes. Os textos devem ser submetidos conforme template disponibilizado pela Revista, os autores devem fazer o download do template e adequarem seus textos para este formato. Textos que não estiverem no formato do template da revista não serão incorporados ao processo de avaliação. 

16. Os artigos publicados pela revista são de uso gratuito, destinados a aplicações educacionais e não comerciais. Os direitos autorais são todos cedidos à revista.

17. Todas as propostas de contribuição devem estar em editor de texto Microsoft Word (formato DOC)ou compatível, com fonte Arialtamanho 12 e espaço 1,5. Com título em negrito, e em minúsculo. Novo parágrafo em medida “1,25”, todos os parágrafos juntos a não ser quando há um título para cada parágrafo (título do parágrafo em destaque).

18. Os artigos, relatos, traduções e entrevistas podem ter entre 8 (oito) e 15 (quinze) laudas e o arquivo deve ser limitado a 8 MB.

19. O arquivo deve apresentar o título, fonte tamanho 14 (com no máximo 100 caracteres).

20. O arquivo deve apresentar, em fonte tamanho 10 e espaçamento simples, o resumo, (entre 400 e 700 caracteres) e até cinco palavras-chave; título em inglês, abstract e até cinco keywords(com as mesmas dimensões). As palavras “Resumo”, “Palavras-chave”, “Abstract” e “Keywords” e o título em inglês devem estar em negrito. Palavras-chave e keywordsdevem ser separadas por ponto e vírgula e apenas a primeira letra em maiúsculo.

21. As notas devem ser colocadas no rodapé, Times New Roman, tamanho 10, espaçamento simples e margem justificada.

22. As citações de até três linhas devem vir entre aspas e no corpo do texto. As citações com mais de três linhas devem vir destacadas, em fonte tamanho 10, espaçamento simples, sem aspas e sem itálico, com recuo à esquerda de 4 cm. As intervenções feitas nas citações (introdução de termos e explicações) devem ser colocadas entre colchetes. As omissões de trechos da citação devem ser marcadas por reticências entre parênteses.

23. Os termos em idiomas diferentes do idioma do texto devem ser grafados em itálico.

24. A inserção de citações, no artigo, em língua não portuguesa ou espanhola, deve aparecer no corpo do texto em português e em nota de rodapé o texto na língua original, acrescido do nome do tradutor.

25. Referências: devem ser apenas referentes aos textos citados no trabalho e estar ao final do texto. A palavra Referências deve estar em minúscula, negrito, Arial, tamanho 12.

26. As referências devem usar o sistema autor/data da seguinte forma: (SOBRENOME DO AUTOR, ano) para citações indiretas e (SOBRENOME DO AUTOR, ano, página) para citações diretas. Exemplos: (SILVA, 1997) ou (SILVA, 1997, p.452). Diferentes títulos do mesmo autor e mesmo ano devem ser identificados com uma letra que os diferencie. Exemplo: (SILVA, 1997a, p.452). As referências devem estar em Arial, tamanho 10, espaçamento simples e margem esquerda.

27. Recomenda-se que as submissões incluam fotos, desenhos ou materiais gráficos (do autor ou de terceiros). É indispensável a indicação da fonte ou da autoria da imagem na legenda. As fotos/imagens devem ter boa qualidade e devem ser enviadas com, no mínimo, 300 dpi.

28. O envio do artigo original implica na autorização para publicação segundo o conceito de Creative Commons 4.0 e será publicada na revista Móin-Móin digital.

29. A revista não aceita contribuições que tenham sido submetidas a mais de um periódico simultaneamente. Se houver alguma chance de a submissão estar sendo avaliada por outro periódico, a comunicação à Editoria deve ser imediata.

30. As citações bibliográficas das notas de rodapé e da bibliografia final devem seguir as normas da ABNT-NBR 6023:2018, exemplificadas abaixo.

Alguns exemplos:

- Livro:

VEIGA, Eliane Veras da. Florianópolis: Memória Urbana. Florianópolis: Fundação Franklin Cascaes, 2010.

Capítulo de livro:

CHARTIER, Roger. Editar Shakespeare. In: PARANHOS, Kátia (org.) História, teatro e política. São Paulo: Boitempo, 2012, p. 15-33.

Dissertação e tese:

XAVIER, Jussara Jinping. Acontecimentos de dança: corporeidades e teatralidades contemporâneas. 2012. Tese (Doutorado em Teatro) – Centro de Artes, Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, 2012.

Artigo de periódico:

ROPA, Eugenia Casini. A dança urbana ou sobre a resiliência do espírito da dança. Urdimento, Florianópolis, v. 2, n. 19, p. 113-121, 2012.

Artigo de jornal:

ALVES, Uelinton Farias. A experiência teatral do poeta Cruz e Souza. Jornal Ô CatarinaFlorianópolis, dez. 2013, p. 9.

Trabalho publicado em anais:

CABRAL, Beatriz Ângela Vieira. A tensão como pivô da experiência em drama. In: VI CONGRESSO ABRACE, 6., 2010, São Paulo. Anais [...], São Paulo: USP, 2010. p. 1-5.

Publicação on-line / Internet:

RADRIGÁN, Valeria. Cuerpo y voz: unión y separación en la historia del teatro y la danza. Telondefondo: Revista de teoria y critica teatral, Argentina, n. 15, jul. 2012. Disponível em: http://www.telondefondo.org/numeros-anteriores/21/numero15/. Acesso em: 22 abr. 2014.

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.