Ocorrência de insetos em plantas de tomateiro tratadas com preparados em altas diluições

Autores

  • Tatiani Alano Modolon
  • Pedro Boff
  • Mari Inês Carissimi Boff
  • Paulo Antônio de Souza Gonçalves
  • David José Miquelluti

Palavras-chave:

Solanum lycopersicum L., Agro-homeopatia, Agathomerus sellatus.

Resumo

A cultura do tomateiro apresenta grande suscetibilidade a pragas, que no sistema de produção convencional tem demandado uso intensivo de agrotóxicos. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de tratamentos fitossanitários, em altas diluições, na incidência de insetos praga em plantas de tomateiro, sob sistema orgânico de produção. Experimentos foram conduzidos a campo nos ciclos produtivos de 2008/2009 e 2009/2010. Os tratamentos constituíram-se dos preparados Staphysagria, Arsenicum album, Sulphur, Arnica montana, nosódios de Solanum lycopersicum e de Solanum aculeatissimum, nas escalas decimal (DH) e centesimal (CH) de dinamização hahnemaniana. Calda bordalesa, calda cúprica e Bacillus thuringiensis foram incluídos em doses ponderais. Constatou-se a presença de coleópteros desfolhadores e tripes, porém apenas Agathomerus sellatus de forma sistemática. População de A. selatus foi reduzida por Sulphur e Arnica montana na dinamização 12 e 24 DH, respectivamente. Preparados em altas diluições apresentam alto potencial de redução de incidência de insetos e de danos de Agathomerus sellatus em tomateiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

MODOLON, T. A.; BOFF, P.; BOFF, M. I. C.; GONÇALVES, P. A. de S.; MIQUELLUTI, D. J. Ocorrência de insetos em plantas de tomateiro tratadas com preparados em altas diluições. Revista de Ciências Agroveterinárias, Lages, v. 12, n. 2, p. 155-162, 2014. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/agroveterinaria/article/view/5209. Acesso em: 28 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigo Completo - Ciência de Plantas e Produtos Derivados