Liberdade e Criatividade a partir do Teatro na Prisão: Relato de experiência de uma prática teatral com mulheres em situação de cárcere na zona da mata mineira

Autores

  • Emerson de Paula Silva UNICAMP
  • Álvaro R. M. Duarte Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP

DOI:

https://doi.org/10.5965/14145731033920200118

Palavras-chave:

Teatro. Prisão. Jogos Teatrais.

Resumo

Este relato de experiência constitui um registro, reflexivo, da prática de estágio supervisionado em Teatro, realizada junto à graduação de Licenciatura em Artes Cênicas do Departamento de Artes do Instituto de Filosofia, Artes e Cultura da Universidade Federal de Ouro Preto (DEART/IFAC/UFOP). Neste contexto abrangemos o registro de uma prática, estudo e reflexões sobre o Teatro junto às mulheres em situação de cárcere. Apresentamos, nesse sentido, os desdobramentos e conexões de uma prática teatral a partir da natureza do seu público.

Biografia do Autor

Emerson de Paula Silva, UNICAMP

Professor do Curso de Teatro da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP). Doutorando em Estudos Literários (UNESP). Mestre em Artes da Cena pela UNICAMP, Licenciado em Artes Cênicas pela UFOP.

Álvaro R. M. Duarte, Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP

Educador em atividades infantojuvenis no SESC/SP. Possui formação em Licenciatura em Artes Cênicas pela UFOP. Atuou como oficineiro em diversas instituições e como mediador, ator, produtor, iluminador, entre outras funções do fazer teatral.

Referências

ALMEIDA JUNIOR, José Simões de. O estágio curricular e a formação do artista docente. VI Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação em Artes Cênicas. 2010. Disponível em: https://www.academia.edu/703154/O_est%C3%A1gio_curricular_e_a_forma%C3%A7%C3%A3o_do_artista_docente . Acessado em: 29/06/2020.

CONCÍLIO, Vicente. Teatro e Prisão – Dilemas da Liberdade Artística em Processos Teatrais com População Carcerária. Dissertação de Mestrado apresentada na ECA/USP, sob Orientação de Maria Lúcia de Souza Barros Pupo. São Paulo. 2006.

CORADESQUI, Glauber. Experiência e Mediação de Espetáculos. Vinhedo. Editora Horizonte, 2018.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir – história das violências nas prisões. Petrópolis: Ed. Vozes, 1996.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

RABÊLLO, Roberto Sanches. Teatro-educação: uma experiência com jovens cegos. Salvador: EDUFBA, 2011.

SPOLIN, Viola. Improvisação para o Teatro. Tradução e revisão Ingrid Dormien Koudela e Eduardo José de Almeida Amos. São Paulo: Perspectiva, 2010.

Downloads

Publicado

2020-12-23

Como Citar

SILVA, E. de P.; DUARTE, Álvaro R. M. Liberdade e Criatividade a partir do Teatro na Prisão: Relato de experiência de uma prática teatral com mulheres em situação de cárcere na zona da mata mineira. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 3, n. 39, p. 1-14, 2020. DOI: 10.5965/14145731033920200118. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/17733. Acesso em: 30 jul. 2021.

Edição

Seção

Dossiê temático: Artes da Cena atrás das grades