A praia carioca e a coluna “As garotas do Alceu”: identidades em formação

Gabriela Ordones Penna

Resumo


A coluna “As Garotas do Alceu” circulou entre 1938 a 1964 na revista O Cruzeiro. Semanalmente, o seu autor Alceu Penna apresentava uma diversidade de belas figuras, que
refletiram um estilo de vida particular, o carioca, ecoando signos da modernidade pelo Brasil. A relação íntima entre as “Garotas” e as praias, um elemento tradicional desse cenário, anunciará
uma identidade em formação. Assim sendo, este presente trabalho pretende discutir a relação entre a coluna brasileira “As Garotas do Alceu” (1938-1964), publicada em O Cruzeiro, e as
praias do Rio de Janeiro, analisando como a pele bronzeada começa a delinear uma identidade característica dos habitantes da cidade. A pele branca das “Garotas”, em alguns momentos,
marcadamente bronzeada, ilustrará um estilo de vida e padrões de beleza das mulheres cariocas. O corpo dourado, cada vez mais valorizado como parte de um viver moderno, acompanha,
também, questionamentos sobre a identidade dos corpos brasileiros.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais Gabriela Ordones Penna

Licença Creative Commons

      http://www.revistas.udesc.br/public/site/images/rocha1/ceart1.png