A geometria do espaço e do gesto em cena: uma leitura de Os arqueólogos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/14145731033920200203

Palavras-chave:

Dramaturgia, Espaço, Gesto, Teoria, Catástrofe

Resumo

Este ensaio volta-se para a análise do texto dramatúrgico Os arqueólogos, do escritor paulista Vinicius Calderoni, tendo em vista uma reflexão sobre a noção do espaço e do gesto a partir da avaliação dos procedimentos de construção textual dramática e seus desdobramentos filosóficos. Consideram-se as especificidades da paisagem da dramaturgia contemporânea, a fragmentação da fábula, do mythos, no desenho da escrita episódica e sua relação com a crônica fotográfica dos tempos atuais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cassia Costa Lopes, Universidade Federal da Bahia (UFBA)

Professora Associado IV da UFBA. Docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas -UFBA; Docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Literatura e Cultura da UFBA. Autora do livro Gilberto Gil: a poética e a política do corpo. São Paulo:Perspectiva, 2012. Mestre em Estudos Literários; Doutora em Artes Cenicas. Pós-Doc PUC-SP.

Referências

ARTAUD, Antonin. O teatro e seu duplo. 3. Ed. São Paulo: Limonax, 1987.

BARTHES, Roland. A câmara clara: nota sobre a fotografia. Trad. Júlio Castañon Guimarães. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1984.

CALDERONI, Vinicius. Os arqueólogos. Rio de Janeiro: Cobogó, 2018.

DELEUZE, Gilles; GUATARRI, Félix. Tratado de nomadologia: a máquina de guerra. In: Mil Platôs - capitalismo e esquezofrenia. Trad. Peter Pál Pelbart e Janice Caiafa. São Paulo: Ed. 34, 1997. 5.v. p.11-110.

GIL, José. Poderes da pintura. Lisboa: Relógio D’Água, 2015.

LAPOUJADE, David. As existências mínimas. Trad. Hortência Santos Lencastre. São Paulo: N-1 Edições, 2017.

NASCIMENTO, EVANDO. Derrida e a literatura: “notas” de literatura e filosofia de desconstrução. Niterói: EdUFF, 1999.

NIETZSCHE, Friedrich. A gaia ciência. Trad. Paulo César de Sousa. São Paulo: Companhia das Letras. 2001.

SAMUEL, Beckett, Catástrofe. Trad. Flávio de Campos. In: Cadernos de teatro. Rio de Janeiro: O tablado, n. 102. Jul/ago/set. 1984. p.17-18. Disponível em: <http://otablado.com.br/wp-content/upçoads/npteboos-theater/4053b193cb79fccf60e8822d34d43679>. Acesso em: 10 jun. 2020.

SARRAZAC, Jean-Pierre. (Org.) Léxico do drama moderno e contemporâneo. Trad. André Telles. São Paulo: Cosac Naify, 2012.

Downloads

Publicado

2020-12-23

Como Citar

LOPES, C. C. A geometria do espaço e do gesto em cena: uma leitura de Os arqueólogos. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 3, n. 39, p. 1-17, 2020. DOI: 10.5965/14145731033920200203. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/18027. Acesso em: 12 ago. 2022.