O teatro visual como teatro performativo

Autores

  • Wagner Cintra Universidade Estadual Paulista (UNESP), São Paulo, SP

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573102322018461

Resumo

Um dos fenômenos que marcaram o teatro no início do século XX foi a aproximação com as artes plásticas. Tal fenômeno repercute até os dias atuais por meios de inúmeras manifestações artísticas que buscam constantemente o desenvolvimento de linguagens cada vez mais renovadoras. O Teatro Visual, por sua vez, surge como uma linguagem teatral marcada pelo hibridismo que atua na interface do teatro com as artes visuais e coloca em cena diversos elementos conjugados no mesmo nível de existência poética: marionetes, objetos, atores, etc. Em tal contexto, este trabalho pretende dar voz a uma linguagem teatral cujos conceitos estão em desenvolvimento, a qual ainda é um território desconhecido, sobremodo no Brasil. Este artigo apresenta uma visão geral desse universo enfatizando a presença humana em cena.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Wagner Cintra, Universidade Estadual Paulista (UNESP), São Paulo, SP

Professor no Departamento de Artes Cênicas do Instituto de Artes da UNESP e do Programa de Pós-Graduação, área de concentração: Artes Cências

Downloads

Publicado

2018-09-11

Como Citar

CINTRA, Wagner. O teatro visual como teatro performativo. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 2, n. 32, p. 461–475, 2018. DOI: 10.5965/1414573102322018461. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573102322018461. Acesso em: 21 jul. 2024.

Edição

Seção

Sessão Especial - Teatro de Animação: Memórias e Metafóras