O estilo como negócio. A tendência retrô utilizada como recurso estratégico nas práticas da gestão do design

Autores

  • Carolina Basso
  • Richard Perassi Luiz de Souza
  • Sharlene Melaine Martins de Araújo

DOI:

https://doi.org/10.5965/1808312909112014203

Resumo

Este artigo pretende analisar uma tendência no cenário atual da sociedade de consumo moderna. Reconhecer no contexto da cultura material o uso do estilo retrô como instrumento estratégico na prática da gestão do design. Apresenta-se a utilização do conceito de retrô inserido no design com apelo a formas estéticas específicas de determinadas épocas passadas, a caracterização do antigo, o uso de características clássicas marcantes utilizadas na gestão de negócios e na valorização da identidade de marcas e empresas. Empresas adotam toda a conceituação de design retrô como mecanismo estratégico da gestão do design diante do mercado de produtos e serviços. O tema revela no planejamento da gestão do design o uso da tradição e do passado como foco temático de aspectos de conteúdo. Além disso, pontua aspectos motivacionais das empresas na aplicação das estratégia de resgate das memórias materiais e culturais dos consumidores como parte do direcionamento estratégico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-06-06

Como Citar

BASSO, C.; DE SOUZA, R. P. L.; ARAÚJO, S. M. M. de. O estilo como negócio. A tendência retrô utilizada como recurso estratégico nas práticas da gestão do design. DAPesquisa, Florianópolis, v. 9, n. 11, p. 203-219, 2014. DOI: 10.5965/1808312909112014203. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/dapesquisa/article/view/8183. Acesso em: 27 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)