Pintura Contemporânea : sua carne, sua alegoria

Autores

  • Rosangela Miranda Cherem UDESC
  • Deborah Alice Bruel Gemin UDESC

DOI:

https://doi.org/10.5965/1808372903052008083

Palavras-chave:

Pintura Alegoria, Corpo, Arte Contemporânea

Resumo

Nas discussões de arte contemporânea, o reaparecimento do conceito de alegoria e a persistência da pintura podem ser entendidos como retorno de questões recalcadas. Questões que perscrutam a constituição do corpo pictórico e a sua fala para além da mera visibilidade. Problemática presente nos trabalhos de Adriana Varejão, Nuno Ramos e Caetano de Almeida, cujos trabalhos revelam vestígios da busca do artista desvelada sob a superfície pictórica, e revelam a constituição da visualidade artística como a alegoria do corpo que discute a carne da pintura.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-08-14

Como Citar

CHEREM, R. M.; BRUEL GEMIN, D. A. Pintura Contemporânea : sua carne, sua alegoria. DAPesquisa, Florianópolis, v. 3, n. 5, p. 083-092, 2019. DOI: 10.5965/1808372903052008083. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/dapesquisa/article/view/15346. Acesso em: 1 ago. 2021.

Edição

Seção

Artes Visuais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)