Da margem à cena: apontamentos pós-dramáticos na dramaturgia contemporânea brasileira do autor de Hugo Possolo1

Autores

  • Stephan Baumgärtel Udesc
  • Paula Maba Gonçalves Udesc

DOI:

https://doi.org/10.5965/1808312904062009067

Palavras-chave:

dramaturgia brasileira, dramaturgia não-represental- contemporaneidade, Hugo Possolo

Resumo

Este artigo tem como objetivo traçar alguns apontamentos pós-dramáticos nas obras do autor Hugo Possolo. Através do ensaio de Silvia Fernandes em “Notas sobre dra- maturgia contemporânea”, busca nas dramaturgias de Possolo “Sobre a Arte de Cortar Bifes” e “Almas Devolutas”, alguns caracteres que apontam a busca de uma construção formal que objetive a dramaturgia não representacional, em uma tensão sublinhada pelo teórico Peter Szondi . Assim, as obras de Hugo Possolo como exemplo de dramaturgia brasileira contem- porânea que buscam estabelecer uma certa pluralidade pós-dramática e uma ruptura com o sistemático como afirmadas por Victor Viviescas em “Nostalgia de Sísifo : posibilidades de La escritura teatral posmoderna”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-11-12

Como Citar

BAUMGÄRTEL, S.; MABA GONÇALVES, P. Da margem à cena: apontamentos pós-dramáticos na dramaturgia contemporânea brasileira do autor de Hugo Possolo1. DAPesquisa, Florianópolis, v. 4, n. 6, p. 067-071, 2018. DOI: 10.5965/1808312904062009067. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/dapesquisa/article/view/14149. Acesso em: 3 ago. 2021.

Edição

Seção

Artes Cênicas