Por que pensar sobre a autorreferencialidade em pintura hoje?

Autores

  • Marilice Corona UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.5965/24471267232016011

Palavras-chave:

Pintura, Autorreferencialidade, Representação

Resumo

Este artigo tem como objetivo demonstrar como o estudo sobre a autorreferencialidade em pintura me permitiu refletir sobre meu próprio trabalho e sobre questões relativas à pintura figurativa nos dias atuais.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marilice Corona, UFRGS

Marilice Corona vive e trabalha em Porto Alegre/RS. É artista plástica, com mestrado e doutorado em Poéticas Visuais pelo PPGAV do Instituto de Artes da UFRGS. É professora de pintura do Departamento de Artes Visuais e do PPGAV do Instituto de Artes da UFRGS. 

Referências

BRITO,Ronaldo “Contra o olhar eunuco”, in: Revista Módulo, nº 71,

p. 40, Rio de Janeiro, 1982.

FOUCAULT, Michel Foucault. “Pintura Fotogênica!” in: Estética: literatura e pintura, música e cinema. Col. Ditos & Escritos, vol.III. Rio de janeiro: Forense Universitária, 2001.

GLASMEIER, Michael. “Peinture, photographie et autres réalités”. In : Cher peintre... peintures figuratives depuis l'ultime Picabia. Paris : Éditions du Centre Pompidou, 2002.

GREENBERG, Clement. “A crise da pintura de cavalete” in: Arte e cultura. São Paulo: Ed. Ática, 1989.

GREENBERG, Clement. “A pintura modernista” in: Clement Greenberg e o debate crítico. Glória Ferreira e Cecília Cotrim de Mello. (org.) Rio de Janeiro: Funarte / Jorge Zahar, 1997.

MARTINS,Luiz Renato Martins. “A reinvenção do realismo como arte do instante” in Arte e ensaios. (Org.) Glória Ferreira, Paulo Venâncio Filho Revista do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais EBA/UFRJ - V.8, núm. 8 Ano VIII, nov.2001.

MOLES, Abraham. A criação científica. São Paulo: Perspectiva, 1998,

Mário Osório Marques em Escrever é preciso: o princípio da pesquisa. Ijuí: Ed. Unijuí, 2001.

SCHWABSKY, Barry. “Painting in the interrogative mode” in: Vitamin P: new perspectives in painting. BREUVART, Valerie (org.). New York: Phaidon, 2002.

STEINBERG, Leo Steinberg. “Outros critérios” in: Clement Greenberg e o debate crítico. Glória Ferreira e Cecília Cotrim de Mello. (org.) Rio de Janeiro: Funarte / Jorge Zahar, 1997.

STOICHITA, Victor. L'instauration d'um tableau: Métapeinture à l'aube des temps modernes. Gèneva: Droz, 1999.

TANSEY, Mark. “Notes and comments” in: Mark Tansey: Visions and revisions. New York: Harry N Abrams, 1992.

DIEGUES, Isabel e COELHO, Frederico. Pintura brasileira século

XXI. Rio de Janeiro: Cobogó,2011.

Downloads

Publicado

2017-01-12

Como Citar

CORONA, M. Por que pensar sobre a autorreferencialidade em pintura hoje?. Revista Apotheke, Florianópolis, v. 2, n. 3, 2017. DOI: 10.5965/24471267232016011. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/apotheke/article/view/9064. Acesso em: 28 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos Seção temática