O desenho na formação do profissional professor

Autores

  • Márcia Moreno Unochapecó/Udesc

DOI:

https://doi.org/10.5965/24471267522019067

Palavras-chave:

desenho, criatividade, escola

Resumo

Partindo do pressuposto de que o desenho sempre trouxe apreensões no processo de ensino-aprendizagem, por estar associado à “técnica”, domínio e treino, objetivo, com este artigo, propor, por meio da descrição de um experienciar, uma alternativa criativa quanto ao ensino do desenho, de forma a contribuir na/para formação do professor. Nesse compartilhar de uma realização do curso de formação superior em Artes Visuais-licenciatura, o desenho entra tanto como entremeio de um processo, quanto em paralelo à pesquisa sobre anomalias de nascença ou adquiridas, contrapondo o conceito de belo estético que muitas vezes tem como característica essencial do percurso. Ainda, teço considerações teóricas sobre o espaço escolar, sobre o professor e seu protagonismo nas relações científicas e sociais na formação do sujeito, bem como sobre a contribuição significativa que essa linguagem pode para a percepção, reflexão e criatividade na relação aluno-realidade-arte.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Márcia Moreno, Unochapecó/Udesc

Possui graduação em Desenho e Plástica Licenciatura Plena pela Universidade Federal de Santa Maria (2002), graduação em Desenho e Plastica Bacharelado pela Universidade Federal de Santa Maria (2000), mestrado em Educação pela Universidade Federal de Santa Maria (2005) e especialização em Criatividade: arte e tecnologias pela Universidade Comunitária da Região de Chapecó (2009). Doutoranda em Artes Visuais (UDESC). Atuou como docente no ensino superior na Universidade Federal de Santa Maria (professora substituta), na Unoesc (campus Xanxerê, Joaçaba e São Miguel do Oeste) e atualmente é professora titular da Universidade Comunitária Regional de Chapecó - UNOCHAPECÓ e é Coordenadora do Curso de Artes Visuais. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Desenho.

Referências

ALENCAR, Eunice M. L. S. Criatividade. Edit. Edunb, Brasília, 1993.

COX, Maureen. Desenho da Criança. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

DEWEY, John. A escola e a sociedade e A criança e o Currículo. Lisboa: Relógio D'Água Editores, 2002.

DEWEY, John. Arte como Experiência. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

DUVE, Thierry de. Fazendo escola (ou refazendo-a?). Chapecó: Argos, 2011.

GARDNER, Howard. Arte, mente e cérebro: uma abordagem cognitiva da criatividade. Porto Alegre: Artes Médicas, 1999.

IAVELBERG,Rosa. Desenho na Educação Infantil. São Paulo: Melhoramentos, 2013.

HSUAN–AN, Tai. Desenho e organização bi e tridimensional da forma. Goiânia: UCG, 1997.

JESUS, Joaquim A. Luz. (In)Visibilidades: um estudo sobre o devir do professor-artista no ensino em artes visuais. Tese de doutoramento em Educação Artística,Faculdade de Belas Artes, Porto/Portugal, 2013.

JIMENEZ, Marc. O que é estética. São Leopoldo, Unisinos, 1999.

MÃE, Valter H. Mãe. O Paraíso são os outros. 2 a ed. Rio de Janeiro: Biblioteca azul, 2018.

OSTROWER, Fayga. Criatividade e processos de criação. Petrópolis: Vozes, 2014.

Downloads

Publicado

2019-09-02

Como Citar

MORENO, M. O desenho na formação do profissional professor. Revista Apotheke, Florianópolis, v. 5, n. 2, 2019. DOI: 10.5965/24471267522019067. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/apotheke/article/view/15785. Acesso em: 6 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos Seção temática

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)