INTERSECÇÕES ENTRE DESIGN THINKINGS E FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Andreia de Bem Machado, Andreza Regina Lopes da Silva

Resumo


A inovação é elemento integrado à sociedade contemporânea com novas metodologias no fazer pedagógico. A formação do docente amplia-se para uma visão integral do homem que promovendo novas metodologias para o ensino com intersecções de ferramentas diversas. Essas inovações metodoogicas fazem parte de um novo cenário educacional, onde o estudante é mais participativo e autonomo no seu pensar. Isso faz com que o professor procure por um novo fazer pedagógico inserindo nesse planejamento e problámticas que permitam com que o estudante motivesse a aprender. Esse faz com que a sala de aula torne-se um espaço de interação e de problematizações que tenha como pano de fundo as ferramentas do desinger thinking. Esse é utilizado para elaboração das aulas e também para oportunizar novas maneiras de ensinar ao estudantes dessa sociedade do conhecimento. Sendo assim, o objetivo nesse artigo é mapear as intersecções entre design thinking e a formação de professores. Para tanto se realizou uma busca sistemática seguida de uma análise bibliométrica na base de dados Scopus. Como resultado, identificou-se que a pesquisa emerge no campo das Ciências Socias intersectando as discussões na área de Engenharia; Ciência da Computação; Ciência ambiental; Artes e Humanidades; Negócios, Gestão e Contabilidade; Ciências da decisão e Medicina e congrega um novo olhar ao fazer pegagócio trazendo então uma discussão que transcenda a modelos cartezianos de ensinar onde aprendizagem se concebia em um processo passivo.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5965/2316419006092017077


Revista mantida pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)
Campus Ibirama
® 2017 Direitos Reservados