Pintura Contemporânea : sua carne, sua alegoria

Rosangela Miranda Cherem, Deborah Alice Bruel Gemin

Resumo


Nas discussões de arte contemporânea, o reaparecimento do conceito de alegoria e a persistência da pintura podem ser entendidos como retorno de questões recalcadas. Questões que perscrutam a constituição do corpo pictórico e a sua fala para além da mera visibilidade. Problemática presente nos trabalhos de Adriana Varejão, Nuno Ramos e Caetano de Almeida, cujos trabalhos revelam vestígios da busca do artista desvelada sob a superfície pictórica, e revelam a constituição da visualidade artística como a alegoria do corpo que discute a carne da pintura.

Palavras-chave


Pintura Alegoria; Corpo; Arte Contemporânea

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1808372903052008083



Direitos autorais 2008 Rosangela Miranda Cherem, Deborah Alice Bruel Gemin

URL da licença: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/

Indexadores, diretórios e bases de dados

                   


Revista DAPesquisa - Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC - Centro de Artes - CEART

Endereço: Av. Madre Benvenuta, 1907 - Itacorubi - Florianópolis - SC - CEP: 88035-001

Email: dapesquisa@gmail.com       

ISSN 1808-3129

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 Software de verificação de originalidade e prevenção de plágio