A CULTURA E A CRÍTICA SOCIAL PELO OLHAR DO HUMOR GRÁFICO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2175234609182017044

Palavras-chave:

cultura, crítica social, humor gráfico, anos 1970

Resumo

O presente ensaio analisa cartuns publicados no suplemento Anexo – integrante do jornal Diário do Paraná de 1976 a 77 de autoria de Luiz Antônio Solda e Luiz Carlos Rettamozo como parte de uma reflexão sobre o posicionamento do artista em relação à crítica social e política, e também à cultura como um meio de contestação contra o autoritarismo e à alienação. A ênfase recai para a década de 1970, momento contraditório, em certa medida, entre política e cultura. O debate é fundamentado conceitualmente por Raymond Williams (1969) em sua explanação acerca das relações dos artistas face às discussões políticas e sociais de sua época, e suas postulações relativas à evolução do significado de cultura, em sentido linguístico e social. O texto abre-se a uma discussão em torno dos aspectos culturais, sociais e políticos em confluência baseado no pressuposto da hibridação cultural de Néstor Garcia Canclini (2013). O pensamento que norteia este ensaio aborda o humor gráfico como uma forma de manifestação artística/cultural questionadora sobre as interações sociais e culturais que se mantém em consonância com o sistema político de sua época.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

CANCLINI, Néstor García. Culturas híbridas: estratégias para entrar e sair da mo-dernidade. 4 ed. São Paulo: EDUSP, 2013.

CIRNE, Moacy. Quadrinhos, sedução e paixão. Petópolis, RJ: Vozes, 2000.

______. Uma introdução política aos quadrinhos. Rio de Janeiro: Achiamé / Angra, 1982.

COELHO, Cláudio Novaes Pinto. A contracultura: o outro lado da modernização autoritária. In: Anos 70: trajetórias. Vários autores. São Paulo: Iluminuras: Itaú Cul-tural, 2005.

FREITAS, Artur. Arte e contestação: o salão paranaense nos anos de chumbo. Curi-tiba: Medusa, 2013.

HOLLANDA, Heloísa Buarque de. Impressões de viagem: CPC, vanguarda e des-bunde 1960/70. São Paulo: Editora Brasiliense, 1981, 2ª ed.

NAPOLITANO, Marcos. Cultura brasileira: utopia e massificação (1950-1980). SP: Contexto, 2001.

ORTIZ, Renato. Cultura brasileira e identidade nacional. São Paulo: Brasiliense, 2012.

TEIXEIRA, Selma Suely. (org.). Jornalismo cultural: um resgate: Aramis Millarch, José Carlos (Zeca) Corrêa Leite, Reynaldo Jardim. Curitiba: Gramofone, 2000.

WILLIAMS, Raymond. Cultura e sociedade: 1780-1950. São Paulo: Editora Nacional, 1969, 3ª ed.

Downloads

Publicado

2017-12-04

Como Citar

SEVERINO, Tatiane Aparecida. A CULTURA E A CRÍTICA SOCIAL PELO OLHAR DO HUMOR GRÁFICO. Palíndromo, Florianópolis, v. 9, n. 18, p. 44–62, 2017. DOI: 10.5965/2175234609182017044. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/palindromo/article/view/8737. Acesso em: 20 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos Seção temática