A radiografia do tempo. A Anunciação do Museu Nacional de Machado de Castro

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2175234614332022251

Palavras-chave:

Bernardo Manuel, Pintura portuguesa do século XVI, Estudo material da pintura, Análises laboratoriais de pintura

Resumo

A realidade que se observa em cada momento é a expressão de um olhar contaminado pelo observador e por um tempo mais ou menos longo que pertence aos objetos; neles se condensa um processo sempre ativo de interferências, que escapa, muitas vezes, à real descodificação das obras. A pintura da Anunciação (MNMC2528) é precisamente um dos casos que requer a concentração no detalhe para resgatar uma integridade perdida. Aparentemente unidos pela iconografia que lhe é própria (o Arcanjo Gabriel e a Virgem), os dois painéis que a constituem chegaram ao século XXI reunidos num só. Pela análise do detalhe foi possível intuir que, para além da camada pictórica observável, se escondia outra verdade, comprovada agora pelo trabalho de conservação e restauro e pelas análises laboratoriais realizadas. A pintura correspondia a dois painéis separados (e unidos em tempo incerto), ocultando também os sinais mais evidentes (como a presença de um cão) de uma outra cultura estética. O sentido humanista da pintura inicial transformou-se então em “panfleto” mais óbvio dos valores da Reforma Católica (com a atribuição ao pintor Bernardo Manuel), e assim chegou aos nossos dias e à capacidade para descodificar as camadas do tempo. Pilar num processo investigativo interdisciplinar, o detalhe assume-se, desta forma, como o grande protagonista que conduz à inteligibilidade das formas e da cultura do tempo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria de Lurdes Craveiro, Universidade de Coimbra/FLUC/CEAACP; Museu Nacional de Machado de Castro / DGPC.

Diretora do MNMC e Prof. Associada com Agregação da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Vinculada às instituições: Universidade de Coimbra/FLUC/CEAACP; Museu Nacional de Machado de Castro / DGPC. Universidade de Coimbra/FLUC/CEAACP; Museu Nacional de Machado de Castro / DGPC.

 

 

Virgínia Gomes, Museu Nacional de Machado de Castro

Conservadora da Coleção de Pintura / MNMC/ DGPC. Licenciada em História (FLUL) e Mestre em Ciências da Educação (ESECS – IPL).

Mercês Lorena, Laboratório José de Figueiredo

Conservadora Restauradora, Pintura /LJF / DGPC. Doutorada em História da Arte: Pintura, pela Universidade de Évora

Francisco Gil, CFisUC – Centro de Física da Universidade de Coimbra - UID/FIS/04564/2016; UI&D Química-Física Molecular – Universidade de Coimbra - UID/Multi/00070/2013.

Professor Auxiliar no Departamento de Física da Universidade de Coimbra. Tem desenvolvido largo trabalho de investigação aplicando as técnicas físico-químicas ao Património Cultural.

 

Lídia Catarino, Universidade de Coimbra / Departamento de Ciências da Terra - FCTUC / CGeo.

 

Leciona e desenvolve investigação em áreas de interface da geologia com outras áreas do conhecimento enquadradas em Património Cultural e Museologia. 

Referências

ANTUNES, Vanessa. Técnicas e Materiais de Preparação na Pintura Portuguesa dos Séculos XV e XVI. Tese de Doutoramento, Lisboa: FLUL, 2014.

DIAS, Pedro; SANTOS, J. J. Carvalhão Teixeira. A pintura maneirista de Coimbra. Ensaio iconográfico. Coimbra: IHA da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, 1988.

DIAS, Pedro. Vicente Gil e Manuel Vicente. Pintores da Coimbra Manuelina. Coimbra: Câmara Municipal de Coimbra, 2003.

GARCIA, Prudêncio Quintino. Documentos para as Biografias dos Artistas de Coimbra. Coimbra: Imprensa da Universidade, 1923.

GOULÃO, Ana Maria. O Segundo Mestre de Santa Clara e a “Lamentação de Cristo”. Dissertação de Mestrado em História da Arte, Coimbra: FLUC, 1994.

SERRÃO, Vítor. (coord. de) Pintura Maneirista em Portugal – Arte no Tempo de Camões. (Cat. Exp.), Lisboa: Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses, 1995.

WOODWARD, Johannem. Preparatio caerulei prussiaci ex germaniâ missa ad, Phil. Trans. XXXIII, 1724.

Downloads

Publicado

2022-05-01

Como Citar

CRAVEIRO, M. de L. .; GOMES, V. .; LORENA, M. .; GIL, F.; CATARINO, L. . A radiografia do tempo. A Anunciação do Museu Nacional de Machado de Castro . Palíndromo, Florianópolis, v. 14, n. 33, p. 251 - 279, 2022. DOI: 10.5965/2175234614332022251. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/palindromo/article/view/21636. Acesso em: 29 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos Seção temática