Família homoparental: enfrentando a vitalidade do patriarcado

Autores

  • João Guilherme de Carvalho Gattás Tannuri
  • Marilda da Silva Departamento de Didática UNESP - Araraquara. Programa de pós-Graduação em Educação - Instituto de Biociências - UNESP Rio Claro.

Resumo

Descreve-se o desenvolvimento da família homoparental no Brasil em confronto com a preservação e conservação do patriarcado culturalmente instalado desde o descobrimento do país. Priorizaram-se pesquisas e dados estatísticos brasileiros como elementos estruturadores da respectiva descrição. Trata-se de pesquisa bibliográfica de abordagem qualitativa. As fontes são 25 documentos produzidos de 2009 a 2015. Os dados dizem respeito: à ambientação que antecedeu a família homoparental, ao cenário de violência no qual se assenta a família homoparental e a algumas incursões sobre a contribuição da escola na produção de preconceitos e na conservação do patriarcado. Assim, e neste caso, apesar dos avanços legais indicarem a construção de um ambiente de convivência social justo e igualitário para as pessoas homoafetivas e para as famílias homoparentais, a sociedade brasileira está longe de operacionalizá-los de fato e de direito. A hegemonia ainda é do patriarcado, mas sua vitalidade também está sendo colocada à prova.

Palavras-chave: Patriarcado. Família Homoparental. Violência. Escola.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João Guilherme de Carvalho Gattás Tannuri

Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Educação, Instituto de Biociências, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"- campus Rio Claro.

Marilda da Silva, Departamento de Didática UNESP - Araraquara. Programa de pós-Graduação em Educação - Instituto de Biociências - UNESP Rio Claro.

Docente vinculada ao Departamento de Didática da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", campus de Araraquara. Pesquisadora vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Educação do Instituto de Biociências, campus Rio Claro, da mesma instituição.

Downloads

Publicado

2019-05-30

Como Citar

DE CARVALHO GATTÁS TANNURI, J. G.; DA SILVA, M. Família homoparental: enfrentando a vitalidade do patriarcado. Revista Linhas, Florianópolis, v. 20, n. 43, p. 256 - 271, 2019. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/linhas/article/view/1984723820432019256. Acesso em: 5 fev. 2023.