Acervos escolares e história das instituições educacionais: o caso da Escola Estadual General Osório/RS

Autores

  • Maria Augusta Martiarena de Oliveira

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984723815282014154

Resumo

Um dos temas atuais na pesquisa em História da Educação refere-se aos acervos escolares, por constituírem espaços de preservação da memória e da identidade das instituições educacionais. Destaca-se, ainda, que tais acervos viabilizam o acesso a uma série de fontes de pesquisa para quem se dedicaà investigação historiográfica sobre a temática educacional. Para tal fim, iniciou-se em 2012 o mapeamento dos acervos escolares da cidade de Osório-RS. O município conta com quatro escolas em funcionamento há mais de três décadas: Escola Estadual de Ensino Fundamental General Osório; Escola Estadual de Educação Básica Prudente de Moraes; Escola Estadual de Ensino Médio Ildefonso Simões Lopes e Escola Estadual Cônego Pedro Jacobs. Neste mesmo ano, todo o acervo fotográfico da Escola Estadual de Ensino Fundamental General Osório foi digitalizado. Em 2013, deu-se continuidade ao projeto iniciado no ano anterior, efetuando-se sua organização e catalogação. A importância de preservar os acervos escolares da cidade de Osório reside notadamente no fato de haverem sido realizados poucos estudos sobre a história da maior parte dessas instituições ou sobre as práticas escolares domunicípio. Deve-se ter em conta, ainda, que tal organização viabilizará o acesso de pesquisadores a esses arquivos.

 

Palavras-chave: Acervos; História das Instituições Educacionais; Fotografias; Documentos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Augusta Martiarena de Oliveira

Doutora em Educação pela Universidade Federal

de Pelotas – UFPEL

Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul – IFRS

Downloads

Publicado

2014-06-23

Como Citar

OLIVEIRA, Maria Augusta Martiarena de. Acervos escolares e história das instituições educacionais: o caso da Escola Estadual General Osório/RS. Revista Linhas, Florianópolis, v. 15, n. 28, p. 154–174, 2014. DOI: 10.5965/1984723815282014154. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/linhas/article/view/1984723815282014154. Acesso em: 18 jul. 2024.