Yara Guasque: do pictórico ao digital

Autores

  • Luciana Marcelino
  • Sandra Makowiecky

DOI:

https://doi.org/10.5965/1808312908102013130

Resumo

Este artigo visa analisar e registrar a transição do pictórico ao digital no pensamento e na produção da artista Yara Guasque, professora do curso de Artes Visuais da Universidade do Estado de Santa Catarina, pesquisadora em arte e tecnologia. Seu percurso artístico e intelectual parte de uma produção pictórica nos anos 80 e 90, centrada em pinturas monocromáticas de grandes dimensões com aplicação de têmpera sobre lona, na qual encontramos questões formais como cor e dimensão, que a aproximam dos artistas expressio-nistas abstratos da década de 50, especialmente com Mark Rothko, artista de maior aproximação. Transfere-se para o campo das artes digitais a partir dos anos 2000, cujos trabalhos tornam-se ainda mais experimentais e colaborativos. Percurso sintomático da atual mudança de paradigmas analógico/digital, o artigo busca ana-lisar os atravessamentos do conceito de imersão tanto na produção pictórica quanto na produção digital reali-zada pela artista. Partindo das possibilidades imersivas do campo pictórico chega-se ao estudo da imersão em telepresença nos trabalhos experimentais realizados pelos grupos Perforum Desterro e Perforum São Paulo, coordenados, respectivamente, por Yara Guasque e Artur Matuck.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-12-15

Como Citar

MARCELINO, L.; MAKOWIECKY, S. Yara Guasque: do pictórico ao digital. DAPesquisa, Florianópolis, v. 8, n. 10, p. 130-147, 2013. DOI: 10.5965/1808312908102013130. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/dapesquisa/article/view/8080. Acesso em: 27 set. 2021.

Edição

Seção

Artigos