Uma trama de fios interculturais: considerações sobre o legado do Projeto Magdalena

Autores

  • Marisa de Souza Naspolini Universidade do Estado de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.5965/1808312906082011157

Palavras-chave:

Projeto Magdalena, interculturalidade, teatro - mulher

Resumo

Este artigo tece algumas considerações acerca do legado constituído pelos 25 anos de atividades do Projeto Magdalena – rede internacional de mulheres de teatro presente em mais de 50 países, que tem contribuído significativamente para dar visibilidade ao trabalho feito por mulheres no campo teatral. Trata-se de uma organização de características fortemente colaborativas baseada em uma estrutura horizontal, não-hierárquica, constituída por artistas que buscam compartilhar e aprimorar sua criação artística. Os principais aspectos levantados estão ligados à forma de organização em rede e à abordagem intercultural presente no projeto. Além de pesquisa bibliográfica, a autora realizou entrevistas e participou de eventos ligados à rede, obtendo depoimentos pessoais voltados para os temas em questão. Este artigo é parte de uma pesquisa de maior porte que busca investigar experiências interculturais como parte do processo criativo de artistas ligadas à Rede Magdalena.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-10-25

Como Citar

NASPOLINI, M. de S. Uma trama de fios interculturais: considerações sobre o legado do Projeto Magdalena. DAPesquisa, Florianópolis, v. 6, n. 8, p. 157-165, 2018. DOI: 10.5965/1808312906082011157. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/dapesquisa/article/view/14003. Acesso em: 23 set. 2021.

Edição

Seção

Artes Cênicas