A mudança linguística, a gramática e a escola

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984724618372017063

Resumo

Tendo a escola como eixo norteador de uma discussão que interessa a pesquisadores-linguistas e professores de língua portuguesa, este artigo se estrutura em torno de duas perguntas:  qual é o papel da escola na mudança linguística? E qual é o papel da gramática na escola? São evocados os princípios da sociolinguística variacionista, considerando a abordagem dada ao fator escolarização e os resultados que são depreendidos a partir de sua análise, em duas perspectivas, a da produção e a da percepção, evidenciando a tensão entre frequência de uso e a avaliação social.


Palavras-chave: Sociolinguística. Gramática. Frequência de Uso. Avaliação Social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-10-17

Como Citar

FREITAG, R. M. K. A mudança linguística, a gramática e a escola. PerCursos, Florianópolis, v. 18, n. 37, p. 63 - 91, 2017. DOI: 10.5965/1984724618372017063. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/percursos/article/view/1984724618372017063. Acesso em: 4 fev. 2023.