Experiências didáticas com o teatro de sombras

Autores

  • Julie Cristie Knabben

DOI:

https://doi.org/10.5965/2358092502022003147

Resumo

Este artigo trata da experiência dos graduandos do curso de Licenciatura em Artes Cênicas da UDESC, que durante três meses colocaram a teoria em prática, num projeto facilitado pela universidade. Traz um resumo da trajetória do teatro de sombras do oriente para o ocidente com o título: “Do Oriente à sala de aula”. Esclarecendo as implicações desta passagem, refletindo as transformações culturais e as maneiras de aplicação didática da linguagem. O processo de trabalho realizado na oficina é descrito através das metodologias aplicadas e sua análise, bem como uma conclusão sobre os resultados obtidos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

LESCOT, Jean Pierre. Da projeção da Luz Misturada à Matéria, Nasce o Teatro de Sombra nº . Mamulengo 14; Rio de Janeiro 1989.

LESCOT, Jean Pierre. Poesia e Amor no Teatro de Sombras. In: DAMIANAKOS, Stathis; Theatres D'Ombres tradition et modernité; Charleville Mézières, Institut International de la Marionnette, 1986, p.265-267. Tradução de Valmor Beltrame.

LIPMAN, Matthew. . São Paulo: NovaAlexandria, 2001.

MONTECCHI, Fabrizio. Viagem pelo reino da Sombras Revista Malic nº2 . , Barcelona 1992.

Downloads

Publicado

2012-05-13

Como Citar

KNABBEN, Julie Cristie. Experiências didáticas com o teatro de sombras. Revista NUPEART, Florianópolis, v. 2, n. 1, p. 147–156, 2012. DOI: 10.5965/2358092502022003147. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/nupeart/article/view/2650. Acesso em: 29 maio. 2024.

Edição

Seção

Relatos