Arte relacional com bebês: o encontro como performance

Autores

  • Fernanda Paixão Moreira Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO

DOI:

https://doi.org/10.5965/2358092521212019139

Resumo

Este texto apresenta reflexões sobre criação de performance com bebês, a partir de uma experiência intitulada Encontro-Performance oferecida para um grupo de bebês por uma artista. Analisa aspectos da arte em sua abordagem relacional, correlações entre baby-art e arte contemporânea e os aspectos estéticos e afetivos da relação entre adulto e bebê, entendendo a performance como espaço potencial para artista e criança.

Biografia do Autor

Fernanda Paixão Moreira, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO

Fernanda Paixão é mestranda em artes cênicas na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), pesquisa performance e integra o grupo de pesquisa Práticas Performativas Contemporâneas.

https://fpamoreira.wixsite.com/fernandapaixao

Downloads

Publicado

2019-09-18

Como Citar

MOREIRA, F. P. Arte relacional com bebês: o encontro como performance. Revista NUPEART, Florianópolis, v. 21, p. 139-149, 2019. DOI: 10.5965/2358092521212019139. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/nupeart/article/view/15257. Acesso em: 22 set. 2021.