Experimentação de texturas: o encontro com a potencialidade das experiências artísticas da criança

Autores

  • Adriana Moreira Universidade Federal do Amapá

DOI:

https://doi.org/10.5965/2358092521212019151

Resumo

Este texto consiste em meu relato de experiência, como professora de teatro, sobre uma prática teatral e pedagógica que denominei Experimentação de Texturas. Tal prática foi desenvolvida em aulas de teatro com crianças de 2 a 5 anos de idade, em escolas da Educação Básica da cidade de Uberlândia/MG, entre os anos de 2014 e 2018. A partir dos conceitos formulados pela artista visual Anna Marie Holm, foi possível reelaborar as experiências artísticas das crianças e repensar o papel do professor nas aulas de teatro, pautando-se por uma perspectiva que visa a escuta, a liberdade e a imprevisibilidade. Por meio das relações com os materiais diversos e suas infinitas texturas, o espaço e a ação da criança, tornou-se possível descobrir a construção de inúmeras teatralidades imbuídas e emergidas no decorrer da prática.

Biografia do Autor

Adriana Moreira, Universidade Federal do Amapá

Graduação em Educação Artística- Habilitação em Artes Cênicas pela Universidade Federal de Uberlândia (2008). Mestrado pelo Programa de Pós- Graduação em Artes (Título da dissertação - Memórias Em Quedas: os viewpoints como experiência pedagógica na educação básica. 2013 ). Doutoranda pela Universidade Estadual de Santa Catarina (UDESC). Professora Assistente do curso de Licenciatura em Teatro da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) na área de Prática Teatral. Membro do grupo Coletivo Teatro da Margem atuando e pesquisando as artes cênicas e performáticas(2009-2018). Professora substituta do Curso de Graduação em Teatro na Universidade Federal de Uberlândia (2014-2015) atuando na área de Pedagogia do Teatro. Professora de Arte e Teatro em escola de educação básica na cidade de Uberlândia/MG (2008-2018).

Downloads

Publicado

2019-09-18

Como Citar

MOREIRA, A. Experimentação de texturas: o encontro com a potencialidade das experiências artísticas da criança. Revista NUPEART, Florianópolis, v. 21, p. 150-161, 2019. DOI: 10.5965/2358092521212019151. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/nupeart/article/view/15157. Acesso em: 21 set. 2021.