[1]
J. M. Silveira, “Por que não? Para desestabilizar algumas certezas sobre espaços educativos e seus sujeitos”, Rev. Ap., vol. 8, nº 1, p. 074-085, abr. 2022.