O negócio da tradução teatral visto do Brasil do século XIX

Paulo Marcos Cardoso Maciel

Resumo


O presente artigo objetiva discutir o negócio da tradução teatral visto do Brasil do século XIX partindo da identificação de alguns dos diferentes papéis que, segundo revelam os impressos teatrais e as crônicas teatrais do período, teriam sido a ela reservados na constituição da cultura dramática que circulava dentro e fora do país. Trajeto analítico que serve para compreensão mais geral da abrangência da tradução teatral de acordo com as fronteiras da circulação das peças teatrais impressas que, vistas de longe, destacam sua intensa e extensa presença na biblioteca dramática disponível entre 1800 e 1900, conforme constatamos nos rastros desse passado hoje depositados no acervo da Fundação Biblioteca Nacional. 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1414573102352019173

Direitos autorais 2019 Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas




Indexadores


 

  

       


Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas - Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Artes (CEART) - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - (PPGT) – E-ISSN: 2358.6958 - Endereço: Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, Centro de Artes - Av. Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi. Florianópolis. SC, Brasil. CEP: 88.035-001 – E-mail: urdimento.ceart@udesc.br - Tel. 3664.8353

Licença Creative Commons

  Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.