A formação do dalang em Bali: o marionetista no teatro de sombras wayang kulit

Juliana Coelho de Souza Ladeira

Resumo


O wayang kulit, o teatro de sombras de Bali é a forma espetacular herdeira da tradição indobudista vinda de Java, no século XV, e uma das responsáveis pela indianização de Bali, através da utilização dramatúrgica das epopeias indianas. O processo de formação do dalang, o marionetista, é complexo, abrangendo um extenso aprendizado literário, linguístico, ritualístico e vocal. O dalang deve articular os mitos ancestrais e a contemporaneidade, dispensando ensinamentos filosóficos e religiosos e comentando aspectos da sociedade atual.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5965/1414573102322018330


Indexadores


Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas - Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Artes (CEART) - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - (PPGT) – E-ISSN: 2358.6958 - Endereço: Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, Centro de Artes - Av. Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi. Florianópolis. SC, Brasil. CEP: 88.035-001 – E-mail: urdimento.ceart@udesc.br - Tel. 3664.8353

Licença Creative Commons

  Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.