PROJETO DE ANÁLISE DAS INSTALAÇÕES DE UMA GRANJA DE CRIAÇÃO DE SUÍNOS

Luana Loch, Jonathan David Abreu, Beatriz Day, Cristiane Gracieli Kloth, Adrieny Taliny Comper

Resumo


A produção de alimentos e a sua preocupação com o meio ambiente no processo e desenvolvimento tecnológico mensuram sobre a necessidade de minimizar o impacto que a produção de efluentes provenientes da suinocultura gera comparativamente ao efluente sanitário humano.  O presente estudo analisou as instalações de uma granja de criação de suínos e realizou análises físico-químicas e microbiológicas do efluente proveniente dos dejetos dos suínos. A contagem dos coliformes termotolerantes foi realizada após 24 horas de incubação. A contagem evidenciou a presença de coliformes, o que resultou em um valor de 241960 NMP/100 mL. Para a determinação dos valores de nitrogênio total foram empregadas amostras diluídas de 1:10 devido a pequena faixa de detecção do aparelho. Desta forma o nitrogênio de entrada resultou em valores de leitura de 11,5 mg/L, e no ponto de saída obteve-se o valor de 4,2 mg/L.  De acordo com os ensaios realizados, o tratamento do efluente da propriedade está em conformidade com a Resolução Conama 357/2005 com redução efetiva de coliformes, DBO, concentração de nitrogênio e fósforo. 


Texto completo:

PDF



Revista mantida pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)
Campus Ibirama
® 2019 Direitos Reservados