Histórias de Teatro e Circo: intuindo conexões entre Performances Culturais e a Companhia Carroça de Mamulengos

Daniela Rosante Gomes

Resumo


O artigo tem como tema o trabalho de vida e arte da Companhia Carroça de Mamulengos. Uma companhia formada por uma família de artistas itinerantes que durante 40 anos desenvolveu sua trajetória a partir do contato com as gentes das culturas brasileiras. Como objeto de análise específico deste artigo focalizo o espetáculo Histórias de Teatro e Circo, que se confunde com a própria história da família. Esta história, por sua vez, se confunde com a própria história da companhia, de forma que espetáculo, família e companhia nascem, crescem e continuam se desenvolvendo de forma integrada. Para estruturar uma reflexão analítica, me apoio no artigo “Pontes ou pontos de contato: o Cavalo-Marinho e a Arte da Performance” de Luciana Lyra. Suas reflexões sobre Performances Culturais, ação reparadora e outros conceitos e preceitos da Antropologia da Performance ajudam a pensar sobre aspectos do trabalho do grupo mambembe que se torna tradicional.


Palavras-chave


Companhia Carroça de Mamulengos; histórias de teatro e circo; história oral; performances culturais; antropologia da performance

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/2358092521222019052

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores, diretórios e bases de dados


         

Revista Nupeart - Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC - Centro de Artes - CEART

Endereço: Av. Madre Benvenuta, 1907 - Itacorubi - Florianópolis - SC - CEP: 88035-001

ISSN 2358-0925 


 
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.