Giacomo Bartoloni 60 anos: uma reflexão sobre as narrativas de sua carreira no festival em sua homenagem

Teresinha Rodrigues Prada Soares, Fábio Figueiredo Bartoloni

Resumo


O artigo apresenta reflexões sobre o Festival Giacomo Bartoloni 60 Anos, ocorrido de 9 a 11 de agosto de 2017 no Instituto de Artes da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho – UNESP, aproximando-se de teorias que sustentam a história e suas biografias construídas em narrativas. A trajetória desse docente, intérprete e compositor de músicas para o violão de concerto é debatida, fundamentada em conceitos sobre narrativa histórica. O evento seguiu o modelo de um festival de violão clássico para homenagear os 60 anos desse violonista, organizado por Gilson Antunes, Cleyton Fernandes, Fábio Bartoloni (ex-alunos), Gisela Nogueira e Luciano Morais (ex-colegas), com uma programação visivelmente planejada com o intuito do referido tributo ao violonista, no entanto, a ocasião propiciou debater a atividade artístico-cultural do meio erudito musical, a docência, incluindo o nível superior e o papel da universidade pública, bem como o retrato de uma geração que viu o violão passar de instrumento marginalizado a atuante na tradicional música de concerto.

 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5965/2358092519192018213

Indexadores, diretórios e bases de dados


      

Revista Nupeart - Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC - Centro de Artes - CEART

Endereço: Av. Madre Benvenuta, 1907 - Itacorubi - Florianópolis - SC - CEP: 88035-001

ISSN 2358-0925 


 
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.