ARQUITETURA MODERNA E ESPAÇOS MODELARES PARA AS PRÁTICAS ESPORTIVAS EM AMBIENTE ESCOLAR: o exemplo do Colégio Estadual do Paraná (Curitiba, 1943-1950) MODERN ARCHITECTURE AND MODEL SPACES FOR PRACTICING SPORTS IN SCHOOL ENVIRONMENT

Marcus Levy Albino Bencostta, Ana Paula Pupo Correia

Resumo


O presente artigo é uma análise da linguagem arquitetural na construção de espaços modelares à educação da prática esportiva. O exemplo que utilizaremos é o da morfologia do Colégio Estadual do Paraná na época de inauguração de seu novo prédio, em 1950. Dentre os destaques de sua sintaxe arquitetural chamam atenção os espaços destinados às práticas esportivas, representados aqui por seu complexo esportivo composto por ginásio coberto, campo de futebol, pista de atletismo olímpica, canchas de vôlei e de basquete, caixas de salto em distância e salto com vara, piscinas, vestiários para ambos os sexos e arquibancadas para o público em geral. Para a análise dessa linguagem utilizamos fontes localizadas em diversos arquivos públicos e particulares, tais como fotografias, plantas arquitetônicas, desenhos, legislação e os discursos da grande imprensa. A riqueza desse repertório de documentos nos instigou a propor interpretações acerca da conjugação de uma gramática espacial escolar sintonizada com a linguagem proposta pela arquitetura moderna da segunda metade do século XX.

Palavras-chave: História da Educação. Arquitetura Escolar. Cultura Material Escolar.

Texto completo:

PDF


Contato:
Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC
Centro de Ciências Humanas e da Educação - FAED
Programa de Pós-Graduação em Educação - PPGE
Av. Madre Benvenuta, 2007 - Itacorubi
Florianópolis - SC
CEP: 88.035-001
(48) (48) 3664-8585
revistalinhas@gmail.com