Educação e expressividade no pensamento estético de Theodor W. Adorno

Alex Sander da Silva

Resumo


No âmbito de uma filosofia da educação, cabe-nos colocar uma questão: como pensar o conceito de educação na perspectiva da expressividade estética da arte? No presente artigo, propomo-nos a pensar a educação vinculada aos aspectos da crítica da razão instrumental, considerá-la, portanto, a partir de seus desdobramentos formativos. Este texto tem como objetivo problematizar a racionalidade da educação contemporânea, a partir de alguns aspectos fundamentais do pensamento estético de Theodor W. Adorno. O que significa possibilitar a capacidade de abertura e de sensibilidade da ação educativa para compreender os desafios apontados pelo sentido da expressividade estética na formação cultural contemporânea.

Palavras-chave: Educação; Formação cultural; Emancipação; Theodor W. Adorno.


Texto completo:

PDF


Contato:
Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC
Centro de Ciências Humanas e da Educação - FAED
Programa de Pós-Graduação em Educação - PPGE
Av. Madre Benvenuta, 2007 - Itacorubi
Florianópolis - SC
CEP: 88.035-001
(48) (48) 3664-8585
revistalinhas@gmail.com