TECNOLOGIA, EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E APRENDIZAGEM DE LÍNGUAS

Luís Salema

Resumo


O desenvolvimento tecnológico tem possibilitado o aparecimento de novos media digitais que alteraram profundamente as formas de aprender e de ensinar. A integração desses media, no ensino, constitui um desafio para os professores, enquanto agentes do desenvolvimento curricular. Partindo de um conjunto de questões referente à utilização da tecnologia, na aprendizagem de línguas, este artigo apresenta uma revisão de alguns trabalhos realizados nesse âmbito. A abordagem assenta em enquadramentos concetuais ligados à tecnologia educativa, à didática das línguas e à educação a distância. A aprendizagem de línguas, fundamentada numa perspetiva construtivista, e em ambientes tecnologicamente ricos e significativos, constitui uma forma holística de desenvolver a competência comunicativa dos estudantes. A sociedade em rede tem facilitado o aparecimento de outras maneiras de aprender línguas, com a interação oral a ganhar uma importância crescente, em contextos de e-learning.

Texto completo:

PDF


Contato:
Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC
Centro de Ciências Humanas e da Educação - FAED
Programa de Pós-Graduação em Educação - PPGE
Av. Madre Benvenuta, 2007 - Itacorubi
Florianópolis - SC
CEP: 88.035-001
(48) (48) 3664-8585
revistalinhas@gmail.com